ENERGIA NEUTRA

Essa é uma energia que tem por função separar um padrão vibratório de outro, não importando que um seja positivo e o outro negativo. É uma corrente imperceptível, que não permite a mistura entre os infinitos padrões energéticos. Se derramarmos vários pigmentos (energias condensadas) numa solução aquosa, teremos um amálgama colorido condensado num padrão indefinido. Isto não acontece entre a energia universal e a energia cósmica, enquanto energias existentes num mesmo planeta (condensação energética) de bipolaridade. Logo, tudo o que aqui existe possui essa bivalência energética, até mesmo o ser humano, visto que algumas vezes somos positivos (virtuosos), e outras vezes negativos (viciados). Existe uma energia neutra protegendo os órgãos físicos, espirituais e supra espirituais da viciação que os destruiria para sempre, tornando-os viciados quando não podem sê-lo, sob risco de provocar a desagregação do todo espiritual (energético) que nos sustenta. Essa mesma energia neutra dá sustentação ao cinturão que nos envolve, e também ao nosso planeta. É ela que os protege, com sua impenetrabilidade, da energia cósmica que circula por todo o vácuo sideral. Muitas vezes, a energia neutra é confundida com a energia conservadora, mas elas são diferentes. A energia neutra tem um padrão vibratório zero, e é impermeável às irradiações energéticas externas, enquanto energias tangíveis, visíveis e táteis. Nós estamos sujeitos a energias muito mais poderosas que a energia de origem hidráulica, e no entanto não as sentimos, porque o padrão zero da energia neutra nos protege. Porém numa outra dimensão, ou mesmo num outro padrão vibratório, ela não nos mantém: visões chocantes, sensação de negatividade ou tangenciamento de uma condensação energética negativa (brasa, gelo, etc.).

A energia neutra nos protege das correntes contínuas, e não das condensações energéticas. Nós a encontramos no núcleo do átomo, onde ela o sustenta enquanto elemento original, com um padrão de E.V.M.L.C. próprio, o que o torna um elemento distinto, um indivíduo no meio de tantos outros indivíduos com E.V.M.L.C. totalmente diferentes. É essa mesma energia neutra que evita que a morte de um ente querido nos lance no medo da morte física, ou que impede o pânico coletivo no caso de uma conflagração bélica.
Caso tenhamos um alto grau de percepção, podemos reconhecê-la, e até mesmo senti-la, nas pessoas ditas e chamadas de “frias”. Nessas pessoas “insensíveis”, algum choque energético muito forte, e de origem emocional, causou um acúmulo muito grande de energia neutra à sua volta. Somente um outro choque emocional poderá alterar a condensação poderosa que o envolve, e impede que seu sensitivo e percepcional sofram com as dificuldades alheias (energias negativas), ou vibrem com a energia alheia (energia positiva). Portanto, mesmo neutros não devemos ser insensíveis, sob pena de anularmos nossa percepção dos reais valores envolvidos nos inúmeros padrões vibratórios positivos e negativos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s