Entendendo o que faz o Monsanto

 

Foto: Veo Verde. O grupo se encontra em vários fóruns da Internet. Sem um líder definido, os hackivistas se comunicam virtualmente  para coordenar as próximas ações. Participam do protesto cerca de 330 cidades do mundo inteiro, e aqui no Brasil acontecerá em São Paulo e no Rio de Janeiro.

Ao pesquisar sobre a Monsanto, descobri que se trata de uma empresa multinacional estabelecida nos EUA, que produz e vende agrotóxicos específicos para sementes transgênicas, estas também produzidas pela Monsanto. Fica claro que esta empresa representa uma grande ameaça para o mundo: ela já é responsável pela produção de 90% dos transgênicos plantados no planeta, além de produzir agrotóxicos específicos para as suas sementes.

A jornalista francesa Marie-Monique Robin, que pesquisou por quatro anos as ações da Monsanto, revelou que os agrotóxicos da empresa estariam diretamente relacionados com o aumento dos casos de câncer em várias partes do mundo. Os pesticidas fabricados (Roundup) já têm sido responsabilizados por uma série de casos de doenças, desde infecções na pele até cânceres, em agricultores ou pessoas que tiveram contato com o produto por via direta ou indireta.

Essa pesquisa resultou na produção de um documentário, transmitido pelo canal de TV franco-alemão ‘Arte’ e num livro-denúncia, já traduzido em 12 línguas, ambos intitulados ‘O mundo segundo a Monsanto’. Robin revela também os detalhes da “transgenização” dos campos de soja nos países do MERCOSUL, fazendo um alerta: “Em poucos anos nós viveremos uma epidemia de câncer causada pelo uso abusivo de agrotóxicos”.

E conforme relatório divulgado durante o Fórum Social Mundial, a Monsanto está contribuindo também para o crescimento da fome e da miséria mundial. Explica-se: a queda na competição no comércio de sementes pode levar ao aumento de preços dos alimentos, pois sem competição, a Monsanto pode a qualquer momento elevar o preço de suas sementes, elevando, por consequência o custo dos alimentos.

A Monsanto reconhece que advogados do Departamento de Justiça dos EUA estão investigando a empresa, procurando documentos e entrevistando empregados sobre as suas práticas.

Em recente matéria veiculada no Portal Desacato, é didaticamente revelado o que é essa empresa, seus objetivos e o que não está entre as suas Cartaz de Portugal, contra as sementes Terminator (Foto: Divulgação) políticas, especialmente aquelas relacionadas ao meio ambiente:

“O QUE É A MONSANTO?

É uma indústria multinacional de agricultura e biotecnologia situada nos Estados Unidos. É líder mundial na produção do herbicida glifosato (Roundup®). É líder de produção de sementes geneticamente modificadas (OGM) de milho, soja, algodão e colza.

Na verdade o que faz a Monsanto? Criação de sementes suicidas (Terminator) – morte da semente após a colheita; toxicidade ambiental; perda da biodiversidade; doenças de animais, incluindo da espécie Humana: problemas gastrointestinais, no sistema imunológico, infertilidade, problemas mentais (Alzheimer, Parkinson, depressão, autismo), câncer, obesidade, problemas de pele e cardíacos.

O que fazer? Consumir produtos biológicos; trocar sementes biológicas; fazer hortas em casa/comunitárias; forçar o governo a limitar cada vez mais as atividades prejudiciais da Monsanto; informar sobre as marcas associadas à Monsanto e não consumir produtos dessas marcas.”

Por estes motivos está crescendo no mundo campanhas e movimentos contra a Monsanto. O movimento campesino brasileiro promove iniciativas de soberania alimentar alternativa e conscientização sobre a não aceitação dos transgênicos. Vários países estão tentando combater a entrada destes produtos em suas terras, dentre eles a França, que interditou o uso das sementes alteradas. Na Hungria, em 24/05/2013, foram destruídas todas as plantações de milho transgênicos Foto: Divulgação espalhados pelo seu território. Segundo explica o Ministro do Desenvolvimento Rural, Lajos Bognar, o pólen venenoso ainda não estava dispersado, pois as sementes transgênicas da Monsanto haviam sido plantadas há pouco tempo.

Mas no Brasil, segundo reportagem recente veiculada recentemente no Jornal do Brasil, a Monsanto tem vencido tudo, sempre com a conivência das autoridades. A Comissão Técnica de Biossegurança e o Conselho Nacional de Biossegurança vêm dando sinal verde aos crimes cometidos pela Monsanto e outras congêneres no Brasil.

Enquanto o Estado falha, só nos resta resistir, praticando a troca de sementes biológicas, fazendo hortas em casa/apto/comunitárias, divulgando as marcas associadas a esta empresa e não consumir produtos destas marcas.

A lição que fica é: leia os rótulos daquilo que você consome e, sempre que possível, opte por alimentos orgânicos. Por conta de informações como as que você leu, cada vez mais gente tem se preocupado em saber a origem daquilo que come – nessa “chatice” pode residir a diferença entre um organismo saudável e um doente.

Documentário – O mundo segundo a Monsanto

Portal Desacato: Dia 25 de maio será dia de protesto mundial contra a Monsanto

Revista Fórum: Hungria destrói todas as plantações da Monsanto

Jornal do Brasil: A Monsanto além da Justiça

Fonte:

http://antigo.blumenews.com.br/index.php/colunas/colunas/item/5211-mas-afinal-o-que-e-a-monsanto

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s